Mobile II: Cases

10 08 2010

por Maria Fernanda

Bom dia a todos! Considerando a repercussão do post sobre Ações nas mídias sociais e depois sobre a Era Mobile, resolvi unir ambos e falar de cases Mobile aqui no ContextoWeb. Como já comentamos sobre os conceitos principais da comunicação mobile, hoje vou priorizar a prática com 2 cases:

Dove e Marie Claire

Segundo a MobilePedia as marcas Dove e Marie Claire uniram-se para fidelizar clientes. De que forma? Veicularam um anúncio na revista que incitava a leitora a mandar um SMS gratuita coma palavra “Dove”. O que a consumidora ganhou com isso? Uma SMS de boas-vindas e 3 dicas de beleza via SMS no dia seguinte.
É uma ação simples, sim é – afinal ninguém sorteou um iPad. A validade, no entanto, é incontestável, pois o contato com a marca é fortalecido, a interação eleva a eficiência da ação e as pessoas gostam de que outras pessoas se importam com ela. O Dove importou-se e tenho certezade que na próxima vez em que elas estiverem na prateleira do supermercado, vão lembrar-se dessas dicas e cuidados.

Novos Condicionadores DOVE

Hellman’s na Feira Livre

A Hellmann’s realizou uma ação bastante diferente nas feiras livres de São Paulo. Em uma barraca que vendia cebolas, colocou cartazes sobre pratos que poderiam ser feitos com o condimento. Também havia um outro cartaz que convidava os passantes a mandaram uma SMS com a palavra “Maionese”e recebria de volta uma receita com maionese da Hellmann’s.
Para caracterizar a ação, um homem vestido como os demais feirantes pronunciava a receita de um bife acebolado com maionese para despertar mais vontade nos consumidores.
Outra ação simples, que remete a baixos custos e atinge exatamente o público-alvo: pessoas interessadas em cozinhar e experimentar novos sabores – afinal o local remetia a isso. É importante ficar bem claro que nas ações Mobile é o consumidor que vai atrás das informações e, portanto, sua eficiência é muito maior. (Fonte: MobilePedia)

Barraca das cebolas

"Quer aprender uma receita nova?"

Anúncios