Compras coletivas: descontos e redes sociais

30 07 2010

compras coletivasNos últimos meses o Brasil foi bombardeado com o lançamento de diversos sites com propósitos semelhantes – as compras coletivas. O conceito é muito simples: oferecer grandes ofertas e descontos – principalmente de produtos e serviços regionais, desde que em quantidade.

Por exemplo, no site ClickOn são oferecidas cortes de cabelo no salão de beleza do Lazinho com desconto de 68%. Se um número mínimo de cortes não foi vendido ninguém efetua a compra. Dessa forma, os sites incentivam os usuários a divulgar a oportyunidade via web e redes sociais mobilizando muitas pessoas para conseguir o desconto. É a mesma idéia do, já antigo, Sam’s Club.

Algumas considerações sobre estas lojas:

  • SERVIÇOS: Percebemos que a maior parte das ofertas é de serviços. Por custarem nada em termos de logística e estoque, tornam-se muito convenientes para este tipo de negócio.
  • REGIONALIZAÇÃO: A maior parte dos sites de compras coletivas aparecem segmentados por cidades e regionalmente. A própria característica dos serviços que não em forma virtual estabelece essa necessidade.
  • GRANDES CIDADES E CAPITAIS: Estão presentes principalmente nas grandes cidades e capitais. Desnecessário inferir acerca do poder de consumo destas e melhor acesso a banda larga e móvel.
  • PRINCIPAIS SITES: Peixeurbano, ClickOn, Coletivar, Ofertadia, Agrupe, Zipme, entre outros.

Vale a pena ressaltar que a multiplicação desse tipo de negócio sugere-se sua atratividade devido aos custos baixos de logística e etc. Percebam como consumidores, no entanto, que é necessário avaliar bem a segurança do site, suas referências e acessos para não acabar em um site mais oportunista do que bem intencionado.
Aguardo sugestões de temas para o blog e obrigada pelos acessos constantes!

Peixe Urbano

Anúncios